top of page
Buscar
  • Foto do escritorGabriel Mota

Periodontia

Atualizado: 12 de jul. de 2023

A periodontia é um tratamento odontológico que visa curar processos inflamatórios e infecciosos das gengivas. E como você sabe, a gengiva é o tecido que reveste o osso que dá suporte aos dentes.

E os problemas com as gengivas surgem principalmente como resultado de falta de higiene, tabagismo, estresse, baixa imunidade e maus hábitos alimentares.

Isso torna as gengivas frágeis e suscetíveis a infecções causadas por bactérias.

A periodontia se divide em 3 situações, que iremos analisar a seguir:

Periodontologia clinica:

É o ramo da Periodontologia para a prevenção de problemas orais através de procedimentos como a profilaxia dentária profissional e para o tratamento de doenças periodontais como a gengivite e a periodontite.


Periodontologia médica:

É uma especialização da periodontia focada no tratamento relacionado a condições sistêmicas presentes ou agravadas pela presença de doença periodontal, como:

Diabetes Melito;

Aterosclerose;

AVC;

Doença de Alzheimer;

Tabagismo;

Gravidez.


Periodontia estética:

É o ramo da Periodontia destinada as cirurgias no tecido gengival e ósseo, com a finalidade de melhorar a estética periodontal do paciente.

São conhecidas como cirurgias plásticas periodontais, como a de sorriso gengival e de recobrimento radicular.

Periodontite

A periodontite é um estágio mais avançado da gengivite que afeta significativamente os tecidos de suporte do dente e o ligamento periodontal. Ao contrário da gengivite, no entanto, a doença periodontal envolve a perda de osso ao redor do dente, especificamente em sua raiz, onde persiste.

Isso significa que, se a doença não for tratada adequadamente, há grandes chances de o paciente perder o dente.

Como ocorre a periodontite e as principais causas

Semelhante à gengivite, a principal causa da periodontite é o acúmulo de placa na superfície dos dentes. Mas não é só assim que a doença se manifesta, uma das causas também pode ser a má oclusão.

Isso porque não há um encaixe perfeito entre os dentes, facilitando o acúmulo de restos de alimentos.

Acúmulo de tártaro, problemas de cárie, uso de medicamentos fortes e tabagismo podem ser fatores importantes no desenvolvimento da periodontite.


Sintomas de periodontite

Como se trata de uma evolução da gengivite, as duas doenças podem ser facilmente confundidas por apresentarem sintomas muito semelhantes.

No entanto, a periodontite se manifesta de forma mais agressiva, causando vermelhidão na região da gengiva e sensibilidade mais acentuada dos dentes.

Vale ressaltar que é importante atentar se os dentes estão mais móveis, pois eles tendem a “amolecer” devido a danos na estrutura de suporte.


Tratamento de periodontite

Vejamos agora o tratamento da periodontite usando a Periodontia:

O tratamento é baseado em três fases: terapia periodontal básica, terapia cirúrgica e terapia periodontal de suporte. Onde a primeira equivale ao processo de raspagem supragengival e subgengival, para remover o tártaro nos dentes tanto na superfície do dente quanto na área abaixo da linha da gengiva.

A fase operatória nem sempre é necessária, pois só é indicada nos casos em que o cálculo é muito profundo.

Por fim, a terapia periodontal de suporte refere-se a uma forma de manter o controle da placa bacteriana e evitar possíveis recorrências da doença.

Conclusão

Por fim, a melhor forma de garantir um sorriso saudável é cuidar dele com um periodontista.

No entanto, a prevenção é a chave de tudo e, se seguir os cuidados de rotina, será mais fácil prevenir problemas como a doença periodontal ou a gengivite.

Vale sempre lembrar que escovar os dentes é importante para remover a placa bacteriana, que pode causar cáries além da gengivite.

Lembre-se sempre que essa higienização deve vir acompanhada do fio dental! Entre em contato conosco e venha fazer uma avaliação! https://contate.me/odontodents



0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Commentaires


whatsapp-icone-2.png
bottom of page